terça-feira, 3 de novembro de 2009

Ignacio Ramonet, a serviço da verdade

video


A razão do mercado impõe dogmas totalitários, que Ignacio Ramonet chama globalitários, em escala universal. A razão torna-se religião e obriga a cumprir seus mandamentos: sentar-se direitinho na cadeira, não levantar a voz e fazer os deveres sem perguntar por quê. Que horas são? As que mandar, senhor. (p. 159).

Do livro: GALEANO, Eduardo. De pernas pro ar: a escola do mundo ao avesso. Tradução de Sergio Faraco. Porto Alegre: L&PM, 1999.

Nenhum comentário:

Postar um comentário